Informação do 1° ao 4° distrito.

Na tentativa de burlar lockdown lojas de empresário bolsonarista passam a vender arroz e feijão

A rede de lojas do empresário, Luciano Hang é voltada para eletro, eletrônicos e utilidades do lar.

O empresário Luciano Hang, que é um dos maiores defensores do governo do Presidente Jair Bolsonaro (Sem Partido) voltou a criar polêmica nas redes sociais após determinar que as filiais de suas rede de eletroeletrônicos e utilidades domésticas passasse a vender arroz, feijão e outros itens de supermercado na tentativa de burlar o lockdown e a ordem de fechamento das lojas em diversas cidades do país.

A idéia é mais uma tentativa do empresário de fazer suas lojas que não são consideradas de serviço essencial, voltarem a funcionar, já que vendendo artigos alimentícios a rede poderia ser enquadrada como serviço essencial, burlando assim a proibição de funcionamento.

Nas redes sociais do empresário, Luciano Hang também é possível visualizar diversos vídeos com centenas de funcionários de sua rede de lojas aglomerados e  alguns sem o uso de máscaras, solicitando a reabertura das lojas.  O empresário já responde um processo do Ministério Público do Trabalho por assediar moralmente seus funcionários a pedir votos para o então candidato a presidência, Jair Bolsonaro.

 

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.